Gastronomia

Confira sete milkshakes diferentões que você tem de experimentar

Atenção: quem ama comer e se sensibiliza com ostentação gastronômica vai adorar esta lista

Em tempos de supervalorização do hambúrguer, os acompanhamentos clássicos do pedido também têm ganhado destaque em endereços da cidade. Prova disso é que diversas casas apostam em milkshakes “diferentões” com coberturas pra lá de criativas.

O “leite batido” leva sorvete e elementos como biscoito, bolo, cookie, paçoca, leite ninho, chocolate, morango, caramelo e castanhas. A história conta que a delícia nasceu em 1885, nos Estados Unidos, e as primeiras receitas levavam uísque. Foi em Chicago que o shake virou febre.

Em 2017, o que tem bombado são as propostas cremosas elaboradas com ingredientes inusitados. Reunimos sete preparos deliciosos:

Milkshake de Bolo da Ivone para Ricco Burger
Esse shake nasceu para um projeto especial: a hamburgueria Ricco Burger, do produtor cultural Rick Emediato. A receita, feita com sorvete da Vai Bem Gelados, conta com o sabor do Bolo da Ivone, quitute adorado por muitos brasilienses. A novidade é vendida por R$ 22 no ponto localizado no Na Praia.

Milkshake de Chocolate e Cointreau do Parrilla Burger
restaurateur Gil Guimarães explica que a ideia do shake de chocolate com Cointreau vendido no Parrilla Burger surgiu para agradar o público adulto. “Queria que fugisse do padrão adolescente e infantil”, diz. A ideia virou realidade após fechar parceria com a empresa Lo Voglio, especializada em gelatos artesanais. Juntos desenvolveram a versão com licor. Lançado há três meses, a bebida é vendida por R$ 24.

Milkshake de Churros do Páprica Burger
Desde que abriu sua primeira operação num container, localizado no Posto Ipiranga, na Asa Norte, a hamburgueria Páprica Burger, de Lucas Arteaga e Bruna Prieto, tem vivido ótimo momento, com casa cheia e filas. Tanto que a inauguração de uma segunda unidade da marca já foi confirmada pelos sócios. Parte do sucesso se deve aos shakes vendidos no local. O hit de vendas? O Milkshake de Churros (R$). Um delícia que agrada a todas as idades.

New York Shake do Ice Creamy
Shakes-ostentação. Essa é a pegada da sorveteria Ice Creamy, inaugurada este ano no Conjunto Nacional. A proposta da marca é vender milkshakes que enchem os olhos. A linha New York Shake conta com seis opções que incluem coberturas de pão de mel, Oreo, algodão doce, Ovomaltine, marshmallow, cookies e M&Ms. A unidade é vendida a partir de R$ 18,90. Apenas sonhe.

Milkshake de Twix do Johnnie Special Burger
A Johnnie Special Burger renovou o cardápio e, entre as novidades, uma promete agradar. É o milkshake de Twix, feito com sorvete de creme com doce de leite, cookies e cobertura de chocolate. A sugestão vale para todas as lojas de Brasília e sai por R$ 19. É possível encontrar JSB no Sudoeste, Taguatinga, Águas Claras e Guará.

Milkshake de Pipoca do Durango Burger
Uma das principais referências de Águas Claras quando o assunto é hambúrguer, o Durango Burger, localizado na Avenida Araucárias, merece atenção especial. Um dos shakes mais diferentões da casa é o de pipoca (R$ 18). A receita leva sorvete de creme, caramelo e pipoca. Crocante e inusitado.

Milkshake de paçoca com doce de leite do The Black Beef
Com inauguração prevista para 3 de agosto, a hamburgueria alagoana The Black Beef pretende iniciar sua operação na quadra 402 Sul em grande estilo. Entre a principais apostas do chef baiano Deco Sadigursky, está o milkshake. A casa trabalhará com cinco versões com Maltine, Nutella, Óreo, Ninho e Paçoca com doce de leite (invista neste, se for pedir apenas um). Os valores são R$ 12, o copo de 300 ml, e R$ 14, o de 500 ml.

Mostrar mais

RECOMENDADOS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *