26.6 C
Distrito Federal

Criança tem problemas cardíacos após ser vacinada no interior de SP

novaiguacu24h

Uma menina de 10 anos desmaiou e teve alterações nos batimentos cardíacos após ser vacinada na cidade de Lençóis Paulista, no interior de S. Paulo. O caso ocorreu na noite desta terça-feira (18/01), doze horas após a menina receber o imunizante.

A Secretaria Municipal de Saúde de Lençóis Paulista emitiu uma nota oficial na manhã desta quarta-feira (19/01) relatando a reação à vacina Pfizer na criança. A menina teve alteração nos batimentos cardíacos. Leia a nota:

NOTA OFICIAL

Na noite de ontem, aproximadamente 12 horas após ser vacinada, uma criança (que neste momento está consciente e estável), apresentou alterações nos batimentos cardíacos e desmaiou segundo o relato do pai, por isso, foi levada à rede de saúde particular para atendimento profissional, onde foi reanimada.

A Secretaria de Saúde de Lençóis Paulista, seguindo os protocolos do Ministério da Saúde e da Secretaria de Saúde do Estado, aplicou corretamente a dose infantil da Pfizer, que é aprovada pela Anvisa. A criança possui quadro clínico de asma como comorbidade. A Secretaria de Saúde de Lençóis Paulista está em contato com todos os responsáveis pelas demais crianças vacinadas ontem para acompanhamento.

É importante ressaltar que, como o atendimento ocorreu pela rede particular, a Secretaria de Saúde ainda não teve acesso aos prontuários médicos e de atendimento da criança e irá solicitar a documentação oficialmente.

A Prefeitura Municipal de Lençóis Paulista, através da sua Secretaria de Saúde e da sua Vigilância Epidemiológica, já informou a Secretaria de Saúde do Estado de São Paulo, através da Vigilância em Saúde e aguarda resposta e instruções dos órgãos responsáveis

No início da tarde desta quarta-feira (19/01), o prefeito Anderson Prado de Lima suspendeu a vacinação das crianças até que o caso seja eaclarecido pela equipe de Saúde.

A menina foi uma das primeiras crianças a receber o imunizante na cidade. Ela chegou a ser fotografada e ter seu nome e imagem veiculada nas redes sociais da Prefeitura de Lençóis.

A vítima foi levada pelo pai até uma unidade particular de saúde, onde foi reanimada, estabilizada e encaminhada para o Hospital da Unimed da cidade de Botucatu.

Como o atendimento médico à menina foi na rede privada, a Secretaria de Saúde ainda não teve acesso aos prontuários médicos da criança. A documentação será solicitada oficialmente para a investigação do caso.

Avatar

Últimas notícias

Relacionadas