Manchetes

Número de mortos em desabamento de rocha em Capitólio sobe para seis


Feridos foram levados para hospitais de cidades próximas

O Corpo de Bombeiros de Minas Gerais informou que subiu para seis o número de mortes devido ao desabamento de uma grande rocha no cânion de Capitólio. De acordo com os Bombeiros, mais de 30 pessoas ficaram feridas, algumas delas tiveram que ser hospitalizadas nas cidades de Passos, Piumhi e São José da Barra. Pelo menos quatro barcos foram atingidos.

rocha_desaba_sobre_turistas_em_capitolio_reproducao_redes_sociais

Reprodução/Redes Sociais


Segundo o comandante do Corpo de Bombeiros, coronel Edgard Estevo, há informações de que 20 pessoas estariam desaparecidas. Em coletiva à imprensa, ele afirmou que o trabalho de buscas feito por mergulhadores será interrompido durante a noite, por segurança.

A chefe da Divisão de Medicina Legal do Interior da Polícia Civil de Minas Gerais, Marcela Sena Brava, informou que peritos já estão no local para auxiliar na liberação dos corpos. Eles serão encaminhados para o Instituto Médico Legal de Passos.

A Marinha auxilia o Corpo de Bombeiros com equipes de Busca e Salvamento (SAR). Um inquérito será instaurado para apurar o incidente.

Por meio de seu perfil no Twitter, o governador de Minas Gerais, Romeu Zema, se pronunciou sobre o acidente: “Sofremos hoje a dor de uma tragédia em nosso Estado, devido às fortes chuvas, que provocaram o desprendimento de um paredão de pedras no lago de Furnas, em Capitólio. O governo de Minas está presente desde os primeiros momentos através da Defesa Civil e Corpo de Bombeiros”.

Texto alterado, às 16h54, às 17h44 e às 19h02 para acréscimo de informações.

Edição: Aécio Amado

Ministro Fachin defere liberdade condicional a Paulo Maluf
Manchetes

Ministro Fachin defere liberdade condicional a Paulo Maluf

STF julga constitucional bônus de eficiência de carreiras da Receita e da Auditoria-Fiscal do Trabalho
Manchetes

STF julga constitucional bônus de eficiência de carreiras da Receita e da Auditoria-Fiscal do Trabalho

Proposta repassa parte do Imposto de Renda retido na fonte a estados, DF e municípios
Manchetes

Proposta repassa parte do Imposto de Renda retido na fonte a estados, DF e municípios

Atualmente não há comentários.