quarta-feira, julho 17, 2024

PCDF: Operação Monitus combate armazenamento e compartilhamento de material ilícito no Itapoã


Share

Na manhã de hoje (9/5), policiais civis da Delegacia Especial de Proteção à Criança e ao Adolescente (DPCA), da Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF), com o apoio de peritos do Instituto de Criminalística, deflagraram a Operação Monitus. A ação teve como objetivo combater o armazenamento e compartilhamento de material pedopornográfico no Itapoã/DF.

A investigação, iniciada em agosto de 2023, apurou que um jovem, de 18 anos teria se envolvido amorosamente com uma adolescente, de 13 anos, à época. Durante o relacionamento, ele solicitou que ela enviasse fotos e vídeos íntimos. Após obter o material, o investigado divulgou as imagens em perfis falsos em redes sociais.

Diante dos fatos, a equipe da DPCA cumpriu um mandado de busca e apreensão na residência do investigado, apreendendo um celular que continha as fotos e vídeos da adolescente. O homem foi preso em flagrante pelo crime de armazenamento de material ilícito e pode ser condenado a pena de até quatro anos de reclusão.

“A Operação Monitus, que significa advertência, em latim, recebeu este nome porque o autor alegou à vítima que teria divulgado as imagens para que ela aprendesse a nunca mais enviar fotos íntimas para ninguém. A ação faz parte da Operação Caminhos Seguros do Ministério da Justiça, que visa combater a Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes”, destaca o delegado-chefe adjunto da DPCA, Maurício Iacozzini.

A PCDF reitera seu compromisso no combate à exploração sexual de crianças e adolescentes e na proteção da infância. A DPCA orienta que pais e responsáveis estejam atentos ao comportamento de seus filhos e que, em caso de suspeita de abuso ou exploração, denunciem às autoridades.

Assessoria de Comunicação/DGPC

PCDF, excelência na investigação!





Source link

PUBLICIDADE

Leia mais

Local News